Categorias
google

Rates Technology processa Google Talk

Enquanto eu estava navegando na web, acabei descobrindo que o Google está sendo processado por “infringir leis de patentes” com o seu Google Talk.

Existem duas ações contra eles. Rates Technology Inc (RTI) afirma que possui as patentes para minimizar os custos de ligações de longa distância usando a Internet, e que estas patentes estão sendo infringidas pelo Google Talk. Uma delas seria o Global IP Sounds presente no Google Talk.
As patentes, relacionadas aos números ‘085’ e ‘769’ geralmente se aplicam a telefones celulares híbridos, gateways, IP telefones, IP PBX’s, edge routers, core routers, computadores PC, ITSPs, VoIP, serviços e tecnlogias de muitos produtos de telecomunicações.

A grande pergunta que fica é :
– Quem é a Rates Technology Inc.(RTI) ?
Não encontra-se, na web, grandes informações sobre esta empresa. Poucas informações encontrei em um blog http://voip-blog.tmcnet.com/

Segundo o autor Rich Tehrani, a Rates Technology Inc. existe para obter “rendimentos” a partir de outras empresas. A Rates Technology também já processou a Nortel, Sharp Electronics, Direct, GN Netcom e GN. Os acordos de milhões de dólares são mantidos em sigilo. O blog diz que a RTI já fez acordo com mais ou menos 800 empresas, e nos últimos 15 anos, moveu ações em torno de 25 vezes .

Muitas vezes, sempre há uma única empresa que possui a maioria dos patentes em novas tecnologias e que acaba arrecadando milhões em royalties. Por exemplo, quando chegarem ao mercado os novos chips para telefones wireless, quem ganhará milhões de dólares será a Qualcomm. Já com a próxima geração de chips RFID , a companhia que lucrará com os royalties será a Intermec.

O vencedor das patentes de VoIP serão conhecidos em breve. Aguardem!

Categorias
google grátis

Google Analytics. Mais uma nova ferramenta grátis.

O badaladíssimo serviço de análise de mercado online do Google , que mede o desempenho de websites e também de campanhas publicitárias na internet, será agora gratuito. O Google Analytics não só reporta desempenho de sites , como também oferece um pacote informações de vários tipos de campanhas, como banners, links relacionados e e-mails de newsletters.

O serviço, era formalmente conhecido Urchin on Demand ( que pertencia a empresa Urchin Software), custava US$ 199 por mês, e possuia um limite de 100 mil page views por mês.
Agora, além de ser grátis, o pacote da Google Analytics oferece cinco milhões de Pageviews (páginas vistas) mensais por usuário comum, e acesso ilmitado os anunciantes de links patrocinados do Google AdWords.

Os reports ( relatórios) do serviço Google Analytics exibem a quantidade de usuários encaminhados para o seu site e os caminhos de navegação do mesmo após a chegada ao endereço. Analisar de onde vem e como caminham os internautas dentro de um site, pode resultar em sistemas mais eficientes que, no final da história, resultam no aumento de vendas da empresa ou negócio.

O novo serviço gratuito do Google não deve afetar grandes empresas do setor, como WebSideStory , CoreMetrics e a Omniture , que por sua vez atuam para grandes companhias. Porém, deve forçá-las a oferecer serviços melhores e mais eficientes. O Google Analytics será mesmo usado por pequenas e médias empresas.
A Microsoft possui ferramentas de análise de campanhas dentro do seu programa de publicidade online, chamado AdCenter. Este sistema compete diretamente com o Google AdWords e já tem versões beta teste na França e em Singapura.

Um características do Google Analytics a ser salientada, é o oferecimento do serviço desempenho de websites e campanhas publicitárias em diversas línguas além do inglês, entre elas o espanhol, italiano, japonês, alemão, francês, coreano e chinês. A versão em português, ainda não tem data divulgada pelo Google.
Vale deixar anotado aqui que especialmente hoje, o sistema do Google Analytics está realmente muito lento e praticamente impossível de ser usado. Eu mesma, loguei lá para testá-lo, mas foi impossível acessar os dados.
Acredito que eles deve acertar isto nos próximos dias. Porém, o que mais me intriga é o fato do Google não haver previsto este tráfego excessivo , ou então, não haver simulado testes reais de acesso, já que eles têm disponível máquinas de sobra e pessoas super competentes trabalhando lá.

Muitas informações sobre os assunto, você acessa aqui:

http://news.google.com/news/

Outros artigos postados que abordam o tema GOOGLE, acesse aqui:
Google atualiza mecanismo de busca. Contagem regressiva!
Google Print. Livros grátis e fora de catálogo. Biblioteca Virtual

Categorias
internet

Otimizar páginas. Primeira posição no Google

O quanto vale realmente para um empresa estar nas primeiras posições do Google?

Um recente pesquisa diz que 97 % das pessoas que fazem buscas no Google não fazem clicks além da terceira página ( ou dos 30 primieros resultados). Levando-se em conta que aproximadamente três quartos da população online ativa está usando mecanismos de buscas, e que 40% dos compradores online escolhem Google para localizar lojas e comparar preços, estar ou não bem posicionado no ranking do Google pode realmente fazer diferença para o seu site ou negócio.

O quanto vale realmente para um empresa estar nas primeiras posições do Google?

O fato de estar entre as 30 primeiras posições pode aumentar o tráfego online em aproximadamente 5 vezes no primeiro mês, e 9 vezes no segundo mês, já que o crescimento de visitante online é exponencial. O número de visitadores únicos pode triplicar se a sua empresa move da segunda página no google para a primeira página ( entre os 10 primeiros resultados).
Os resultados de venda de uma loja online pode crescer em até 42 porcento, e podem dobrar de volume no segundo mês.

Muitas empresas online oferecem o serviço de otimização para mecanismos de buscas (search engine otimization) e prometem posicionar um site nas primeiras posições. E isto, pode realmente acontecer. Entretanto, muitas destas empresas utilizam técnicas ilícitas tais como: sites artificiais (link farms), que aumentam a popularidade do seu site; ocultação de palavras chaves no background; longas listas de keywords; e links que propositalmente são adicionados a págna para somente atrair os robots e spiders do Google.

Práticas ilícitas são regularmente descobertas pela equipe do Google; e o site envolvido é severamente punido, sendo eliminado da listagem.

Bons profissionais, e ou empresas, que fazem otimização de sites para que eles sejam mais eficientes e facilmente indexados pelo Google, Yahoo ou MSN, recebem boa remuneração. Este é um trabalho altamente especializado que requer tempo e estudo, além de ser muito mais difícil de realizá-lo quando comparado as técnicas ilícitas. No entanto, pagar pela otimização do seu site, é com certeza, um investimento bem feito que trará resultados ao longo do tempo.

Saiba mais, acesse artigos relacionados a este tema que foram postados aqui:
Segredo para o sucesso na Web
Google adota novos critérios

Categorias
google grátis

Google Print. Livros grátis e fora de catálogo. Biblioteca Virtual

Livros grátis acessível com apenas alguns clicks

O Google retornou a digitalizar livros, GOOGLE PRINT, para oferecê-los livremente na web, ou seja, livros grátis acessível com apenas alguns clicks. A digitalização dos livros, das cinco maiores bibliotecas dos EUA havia sido interrompida em agosto deste ano, pois muitas editoras protestaram e acusaram o Google de não respeitar direitos autorais.

O Google Print foi criado para ajudar a encontrar livros. Esta ferramenta do Google permite pesquisar informações off line que estão presentes em coleções de livros de várias bibliotecas. Além disto, existe um programa no qual os editores de livros podem cadastrar livros para serem indexados (catalogados).
O Google está comprometido em respeitar os direitos autorais de autores e editores, e quer facilitar a localização de livros, especialmente daqueles livros que não podem ser encontrados em uma livraria, que estejam fora de catálogo, ou então, que sejam de domínio público .

A idéia é criar uma grande biblioteca virtual pesquisável, que contenha todos os livros, em todas as línguas. O sistema do Google permite a visualização, na íntegra, de livros que não possuem restrições de direitos autorais, e sejam considerados de domínio público. De outro lado, dos livros que estejam protegidos por direitos autorais, permite-se apenas a visualização de certos trechos. No caso de livros que foram adicionados por editoras, é possível visualizar um número limitado de páginas.

Atualmente, o Google Print possui livros da Universidade de Michigan, da Universidade de Harvard, d Stanford University, da Biblioteca Pública de Nova York e da Universidade de Oxford.

Saiba mais sobre Google Print, informações em português, click aqui.

Como resposta a esta iniciatica do Google, países como a França, a Alemanha, Espanha, Hungria, Itália e Polônia uniram-se na iniciativa de montar uma biblioteca virtual com livros europeus. Outros países como Áustria, Eslovênia, Estônia, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Finlândia, Grécia, Holanda, Lituânia, Luxemburgo, Republica Tcheca e Suécia também já manisfestaram apoio a iniciativa européia.

Segundo o presidente da Biblioteca Nacional Francesa, Jean-Noel Jeanneney, o Google Print seria “a confirmação do risco da dominação americana na definição de como as futuras gerações conceberão o mundo”. Jean-Noel Jeanneney expressou que seu temor é que a literatura, história e filosofia européias possam estar sendo reinterpretadas através de um olhar americano.

Categorias
google

Google atualiza mecanismo de busca. Contagem regressiva!

Google iniciará a utilização destes novos critérios de pesquisa já neste fim de semana

Definido como JAGGER a última atualização do algorítimo dos critérios de pesquisa do Google, o mais popular mecanismo de buscas (pesquisa) dos últimos tempos.

Exatamente como fazem para os furacões, os americanos adoram também dar um nome as atualizações dos critérios de pesquisa do Google, que empresa implementa, duas ou três vezes ao ano, em seu mecanismo de busca. Estes critérios , improvisamente, determinam a indexação (nas primeiras posições) de alguns sites e ou, entao, o desaparecimento completo de outros.

A comunidade de desenvolvedores está agitada pois é possível que Google iniciará a utilização destes novos critérios de pesquisa já neste fim de semana.

Logo abaixo, apostamos em algumas previsões sobre as novidades introduzidas nesta atualização, que já estam circulando no mundo do webmarketing, e veremos algumas que já estão em funcionamento.

Trust Rank

O famigerado “Page Rank” parece haver dia, ou melhor, horas contadas! Até algum tempo atrás o Google assinalava um valor muito alto aos sites que possuem muitos links externos ( Page Rank). No entanto, isto provocou a criação de sites e portais falsos com a intençnao somente de trocar links recíprocos a fim de incrementar o rank de maneira artificial. Com o JAGGER, estes sites serão sinalizados de maneira automática a um funcionário que dará sua prórpia avaliaçnao ao site em questão. O mecanismo de busca, com base no sugestão fornecida pelo funcionário, aprenderá a comportar-se e a filtrar sites semelhantes. Portanto, a utilização de links recíprocos será um arriscado para sites que realmente desejam estar bem posicionados no Google. O Page Rank, aos poucos, será substituído pelo Trust Rank ( valor verdadeiro)

Localização Geogråfica do Servidor (Host)

Alguns observadores observaram é dado muito valor a sites que estejam hospedados em um servidor ( host) fisicamente presente nos Estados Unidos ( USA). Alguns desenvolvedores e webmasters, trocaram sitesde servidor ao notar que isto poderia influenciar em uma boa colocação no Google. Eu, pessoalmente, tenho dúvidas a respeito deste mérito, mas em breve, veremos se isto é realmente válido.

Páginas Index penalizadas
Efetuando um pesquisa, parece que são privilegiadas as páginas mais internas do site quando comparadas com as páginas superiores presentes na estrutura do site. Isto derruba completamente um dos conceitos básicos válido dos últimos anos, a tal da URL breve.
A explicação para isto parece lógica, pois privilegiar páginas internas corresponde a privilegiar uma pesquisa vertical no interior do site, filtrando os conteúdos relevantes.

Aumento do número de páginas
Esta não é realmente uma novidade, mas alguns desenvolvedores teêm notado uma certa antipatia do Google com a aparição simultânea de muitas páginas do mesmo website. Se pretende reutilizar páginas velhas, faça gradualmente.

Categorias
geral

Vírus P2Load. A cria clone perfeito do Google

O P2Load.A é um novo worm[1] que se propaga através de programas peer-to-peer (P2P)

+ *ALERTA* No. 20050919.01
+ Assunto: Vírus P2Load.A cria clone perfeito do Google

16:00:00 GMT-03 (BRT) Registro dos analistas de plantão (Maria Carolina Matera Bozza):

DESCRIÇÃO:
O P2Load.A é um novo worm[1] que se propaga através de programas peer-to-peer (P2P), como Imesh e Shareaza, com o nome do jogo “Knights of the Old Republic 2”. Quando o falso jogo é executado, o worm P2Load.A
inicia sua ação.
Ao infectar um computador, o worm modifica a página inicial e as opções de busca do navegador. Adicionalmente, toda vez que o usuário tentar acessar o site do Google[2], será redirecionado a uma página falsa, com
aparência idêntica à da página oroginal.
Portanto, os internautas não irão se deparar com resultados reais quando tentarem acessar o Google, mas com resultados escolhidos pelos autores do P2Load.A.
O objetivo da criação do worm, é aumentar o tráfego de determinados sites, gerando um ganho financeiro através de acordos de filiação com eles.

SISTEMAS AFETADOS:
Windows 2000, Windows 95, Windows 98, Windows Me, Windows NT, Windows Server 2003, Windows XP.

RECOMENDAÇÕES:

1) Recomenda-se que os usuários mantenham sempre seus programas antivírus atualizados e habilitados.

2) Evite o uso de programas de compartilhamento de arquivos P2P. Eles frequentemente utilizados como vetores de propagação de vírus. Quando possível, configurar o software antivírus instalado para realizar a
verificação automática de qualquer arquivo transferido para o computador.

FONTES E NOTAS (em Inglês):
1)http://securityresponse.symantec.com/avcenter/venc/data/w32.p2load.a.html
2)http://www.pandasoftware.com/virus_info/encyclopedia/overview.aspx?lst=det&idvirus=89977

[1] Worm: http://www.webopedia.com/TERM/w/worm.html
[2] Google: http://www.google.com

+ Laboratório ACME! de Pesquisa em Segurança de Computadores e Redes
+ UNESP – Universidade Estadual Paulista
+ Campus de São José do Rio Preto, SP.
+ Equipe ACME! de Resposta a Incidentes (ACME-CSIRT)
+ Tel. +55 (17) 3221-2475 -|- VoIP UNESP 17.3475
+ alerta em acmesecurity.org -|- http://www.acmesecurity.org
+ R. Cristóvão Colombo, 2265 – 15054-000 – S.J.Rio Preto – SP – Brasil

Maria Carolina Matera Bozza

Categorias
internet

Ganhar dinheiro com a Internet

Como monetizar o tráfego de um site

Obter um ganho econômico pelo tráfego dos visitadores de um site na internet é sempre um objetivo buscado por um bom desenvolvedor ou webdesigner. Até alguns anos atrás, o único modo para realizar este objetivo era criar um site que venda diretamente produtos ou serviços aos vistantes, como por exemplo: um site de comércio eletrônico.

Recentemente, este que era o primeiro conceito de monetização ( e-commerce) evoluiu, e graças aos novos desenvolvimentos da web, temos agora a disposição, instrumentos e sistemas informativos que possam gerar renda com os visitantes entram no site.
Ganhar dinheiro na web desta forma, é um novo desafio que só pode ser realizado através da implementação de site que seja estrategicamente planejado para tal fim.

Como ganhar dinheiro com a internet

O conceito é muito simples. O ganho com a internet vem gerado de um “click” que o visitador faça dentro do seu site.
Cada “click”, pode possuir um valor e representar alguns centavos a mais na sua conta bancária.
Os ganhos podem ser gerados através de diferentes modos:
– um simples click em um link ou patrocínio;
– a inscrição do seu visitador a um site linkado ou patrocinador;
– a aquisição de bens e ou serviços do site linkado ou patrocinador

Tais links patrocinados podem ser visualizados graficamente de múltiplas formas: banners, imagens, texto, e códigos de HTML que são fornecidos diretamente do site patrocinador, ou também existe a possibilidade de construir o seu próprio código se você for capaz.
O montante da retribuição ou ganho pode variar independentemente do tipo de acordo com o site patrocinador

O que fazer:
O sistema de patrocínio é chamado de “referring partnership”, ou programa de afiliação. Em geral, a adesão a estes programas é gratuita e pode ser feita diretamente online. Como exemplo, podemos citar: Amazon.com, Overture.com e Google Adsense. Após a adesão a um programa destes, veêm disponibilizados sites que oferecem produtos e serviços de diferentes áreas de negócios. A responsabilidade será somente sua de escolher os tipos de serviços ou produtos, que possam ser inseridos que sejam correlatos aos conteúdo do seu site

Como fazer:

Antes de tudo, é necessario ter em mente algo fundamental. O ganho através do trafégo da internet pode ou não ser o objetivo do projeto, mas somente uma estrutura informativa efeciente e dinâmica, garantirá a entrada de dinheiro.
Além do mais, é necessário ter uma certa consciência da dinâmica da informação e negócios na web.

O efetivo sucesso de um “programa de afiliação” depende de quantas pessoas clicam nos links, recursos e patrocinadores sugeridos pelo seu site. Bem, existem estatísticas e porcentagens bem precisas sobre isto. Se considerarmos a relação entre o número de visualização dos recursos/links e o número de clicks sobre eles ( visualização/click), obtemos um valor crítico chamado CTR ( quanto dos que foram visualizados são clicados). Podemos quantificar, genericamente, o nível de sucesso de um programa de afiliação, e consequentemente, de ganhos, observando os índices:
CTR 0,5 : baixo sucesso
0,5 CTR 1,5: médio sucesso
1,5 CTR 2,5: bom sucesso

CTR> 2,5 : excelente sucesso

E então, na prática, quanto se ganha com isto? É simples. Depende do número de páginas visualizadas, ou melhor, do número de visualização dos recursos patrocinadores dentro do seu site. Se você há uma página na web que tem, por exemplo, 5.000 visualizações ao mês; e sabendo-se que o chamado CTR varia entre 0.5 a 2.5 , pode-se esperar que aquela página terá de 25 a 150 clicks mensais.

Estratégia
Resumindo, para conseguir ganhar e monetizar com o tráfego na internet, deve-se trabalhar mantendo foco sobre dois pontos fundamentais:
— ClickTrought Rate (CTR)
– utlizar somente patrocinadores relacionados aos conteúdos do seu site;
– disponibilzando os links patrocinados na posição justa dentro do layout;

– utilizar o patrocínio como um complemento de informação e conteúdo da página

— Aumentar o número de visitantes
– utilizando e posicionando-se bem em sites de busca;
– melhorando a qualidade das informações e conteúdos do seu site;
– utilizando uma sintaxe correta de HTML que seja validada pelo W3C.org